Agenda

17/Dez

Rio de Janeiro – O ano ainda não terminou. No terceiro domingo de dezembro (17), a partir das 14h, o Polo de Economia Criativa da Zona Oeste realiza o I Festival Além da Zona Oeste (Falem da Zona Oeste), na Cidade das Artes, na Barra da Tijuca. Em formato de roda de conversa, o Polo convida representantes de instituições culturais públicas, privadas e sociedade civil para, a partir do diálogo, buscar soluções para crise política que envolve a cidade do Rio de Janeiro e especialmente a Zona Oeste. O Falem da Zona Oeste é também celebração. O Festival comemora os três anos de atividade do Polo de Economia Criativa da Zona Oeste, na busca por uma maior cidadania cultural na maior região da cidade.

O Festival foi contemplado em primeiro lugar na categoria Artes Integradas do edital “Programa de Fomento às Artes 2016”, da Prefeitura do Rio de Janeiro. Apesar da vitória, o fomento não chegou o que inviabilizou a execução no formato esperado. “Em resposta, seguindo vontade de ser mais participativo, pretendemos buscar soluções para desenvolver a cidadania cultural na região.”, informa organização do evento.

Durante o evento, o Polo de Economia Criativa da Zona Oeste apresentará dados recentes recolhidos na execução do “Escuta Zona Oeste – Edição Jacarepaguá”. Um processo de escuta territorial realizado em julho deste ano no Espaço Cultural Escola Sesc. A ação contou com a participação de 55 agentes culturais de Jacarepaguá e pesquisadores culturais dos setores privado, público e sociedade civil e foi norteado por diversos desafios globais como pontos de partida para reflexões, produziu uma série de informações e dados sobre cidadania, criação, realização, mobilidade, direitos e hábitos culturais na Zona Oeste da cidade do Rio de Janeiro.

Além do caráter comemorativo, o Falem da Zona Oeste também contará com o apoio do Observatório de Favelas que, na ocasião, lança a pesquisa dos projetos “Oeste Carioca 2” e “Culturas de Periferia 2”, apresentando dados sobre Economia Criativa e práticas culturais na Zona Oeste. Representantes de instituições como Cidade das Artes, Espaço Cultural Escola Sesc, Teatro Sesi Jacarepaguá, Ministério da Cultura, Secretaria de Estado de Cultura, Secretaria Municipal de Cultura e das Comissões de Cultura da Alerj e Câmara Municipal do Rio de Janeiro também participarão do evento. Para fazer a inscrição, basta acessar o link: https://goo.gl/frQo7f

Solução para Zona Oeste onde todos podem participar e fazer parte

O financiamento coletivo #VivaZonaOeste, também será finalizado durante o Falem da Zona Oeste. A campanha de arrecadação visa construir o Viva Zona Oeste, uma plataforma digital que vai integrar e gerar visibilidade para as ações criativas da maior região da cidade. Acessível no site: www.vinil69.com.br no #ChapeuVirtual.

As cotas de participação começam a partir do valor de R$ 100, que incluem: Acesso para gerar publicações no site ilimitadas ao longo do ano de 2018, como AGENDA COMUM para divulgar suas ações e conhecer ações de outros agentes, no seu próprio bairro, Inclusão no CATÁLOGO DIGITAL de forma interativa para divulgação e visibilidade, Participação no CLUBE DE VANTAGENS do Polo, com 10% DE DESCONTO em todas as ações do Polo.

“É uma oportunidade única de benefícios, que não será mais ofertada depois do dia 17 e uma oportunidade de sair do lugar de reclamação para o lugar da ação. É investir no seu próprio trabalho, para impulsionar a cultura na maior região da cidade do Rio de Janeiro”, explica Vinicius Longo, coordenador do Polo de Economia Criativa da Zona Oeste.

PROGRAMAÇÃO:
14h00 – 14h30 – Credenciamento
14h30 – 15h00 – Apresentação de Pesquisas – Observatório de Favelas: Oeste Carioca 2 +
Polo de Economia Criativa da Zona Oeste: Escuta Zona Oeste – Edição Jacarepaguá
15h00 – 16h30 – Apresentação de ações de cidadania cultural voltadas para a Zona Oeste com:
Jorge Freire – Minc/Secretaria Cidadania e da Diversidade Cultural
Valdineia Balthazar – Subsecretaria de Cultura do Estado/RJ
Nome à confrmar – Secretaria Municipal de Cultura/RJ
Bel Kutner – Diretora Artística da Cidade das Artes
Leonardo Minervini – Coordenador Geral de Cultura da Escola Sesc
Eliomar Coelho – Membro da Comissão de Cultura da Alerj
Reimont Otoni – Comissão Permanente da Cultura da Câmara Municipal do Rio de Janeiro.
Mediação: Flávio Aniceto + Participações espontâneas de agentes locais de toda Zona Oeste.
16h30 – 17h15 – Intervalo
17h15 – 18h00 – Leitura e assinaturas da Carta de Compromissos de Cidadania Cultural
voltados para a Zona Oeste
18h00 – 20h00 – Comemoração de 3 anos do Polo de Economia Criativa da Zona Oeste
(Ação será realizada no café da Cidade das Artes)

O que é o Polo Criativo da Zona Oeste?

O Polo é uma rede formada por agentes, coletivos e instituições criativas da Zona Oeste do Rio de Janeiro, e que tem como missão identificar, gerar capacitação, visibilidade e oportunidades de sustentabilidade para uma cadeia de produção cultural criativa de forma colaborativa, com cerca de 300 agentes catalogados por todos os 40 bairros da Zona Oeste.

SERVIÇO:
Dia: 17 de dezembro de 2017 de 14h às 20h
Local: Cidade das Artes – Av. das Américas, 5300 – Sala 3
Barra da Tijuca, Rio de Janeiro (Ao lado do BRT Alvorada)
Entrada gratuita (Sujeita a lotação de 100 pessoas)

15/Dez

Temos o prazer de reabrir a Galeria 535 com a mostra XINGU Escritas Visuais de Marcia Farias.
A exposição é fruto de uma residência artística desenvolvida e produzida pelo People’s Palace Projects em parceria com AIKAX e NECCULT. Financiado pelo Arts and Humanities Research Council (AHRC) and the Global Challenges Research Fund e realizada pelo projeto Imagens do Povo do Observatório de Favelas.
CURADORIA: Francisco Valdean e Bira Carvalho.

13/Dez

O 9o. FESTLIP – Festival Internacional das Artes da Língua Portuguesa acontecerá na cidade do Rio de Janeiro (Casa de Cultura Laura Alvim e SESI-Centro) de 13 a 23 de dezembro.

O festival promove a integração entre países que falam português e conta com a produção inédita “A terceira margem do Rio”, de Guimarães Rosa, dirigida por Paulo de Moraes. No elenco, atores dos oito países que falam a língua portuguesa: Brasil, Portugal, Angola, Moçambique, Cabo Verde, Guiné Bissau, São Tomé e Príncipe e Timor Leste.

A programação dos espetáculos, exposição, oficina, debate e FESTLIPSHOW é inteiramente gratuita.

Para saber mais: www.festlip.com

Confirme a sua presença no evento.

participe de nossas redes sociais

Siga a gente no Twitter

Receba nosso boletim

Receba o premiado boletim do Observatório de Notícias e Análises.

Endereços e Direções

Rua Teixeira Ribeiro, 535, Maré
Rio de Janeiro – RJ
Cep: 21044-251  /  Mapa Mapa

Telefones:

55 (21) 3104-4057
55 (21) 3888-3220

Ou envie-nos um email

projetos