Por: Eduardo Alves (edu@observatoriodefavelas.org.br)

O Instituto Maria e João Aleixo – IMJA e o Observatório de Favelas iniciaram mais uma parceria com força para cultivar raízes e insumos para a ampliação da potência das periferias. Essa é a vez do Fala Brasil. Uma organização parceira nas práticas, ideias e estéticas, que se aproxima em ações comuns para a formação de ativistas, artistas e estudantes das periferias do mundo.

No dia primeiro de agosto deste ano, iniciaremos o primeiro curso de formação com 13 residentes do Brasil e de fora do país, que contará com vagas para participação de criativos de diversas áreas de atuação. Uma passagem de várias estações do conhecimento, das práticas, das estéticas, do que já há acumulado nos territórios potentes das periferias. O Fala Brasil chegou junto com a nossa iniciativa, ampliando ainda mais as possibilidades, apresentando a língua portuguesa para os que não falam e escrevem o português.

O Fala Brasil é uma organização que tem como objetivo construir bases para um intercâmbio entre brasileiros e não brasileiros de modo que as pessoas possam ampliar a convivência compreendendo com totalidade as expressões, palavras e falas. Trata-se de uma empresa social dedicada à ampliação humana para a transformação, nas diversas dimensões, por meio da linguagem. Uma escola humanizada, comprometida com a qualidade do ensino participativo, construindo o aprendizado qualificado da língua portuguesa e ampliando assim a convivência dos de que chegam do além mar.

Uma integração dos estrangeiros na sociedade brasileira, passa também pela compreensão da história, das culturas e, entre tudo isso, existe com ênfase a importância da língua. A parceria para o primeiro curso de formação abre um caminho de excelência e ampliação para o trabalho de uma internacional das periferias, construindo na Maré um centro de formação integrado e de qualidade na produção de conhecimento novo tendo os territórios populares como ponto de partida e alicerce nesse processo.

O IMJA, o Observatório de Favelas e o Fala Brasil formam uma unidade de ação para o conhecimento, a convivência e uma mobilidade plena em larga escala. Nossos parceiros das diversas línguas que habitam essa grande terra mundial encontrarão no Fala Brasil e no processo de formação que iniciamos, uma grande impulsão para aumentar a potência que já trazem de suas realidades, estudos e acúmulos de vida.

Agora, iniciamos com os de língua latina, mas temos certeza que se trata de uma parceria com força e amplitude para criar caminhos que disseminarão progressivamente cidades de direitos no globo terrestre, com mais democracia, participação e profundo respeito à diferença.